Por que e quando fazer uma auditoria contábil?

Por que e quando fazer uma auditoria contábil?

Este artigo destina-se sobretudo aos empresários, administradores e demais gestores das organizações, não tendo portanto, a profundidade técnica desejada por um profissional auditor.

A auditoria contábil tem reflexos nos diversos segmentos das empresas. Embora o seu foco seja os registros e relatórios contábeis, fiscais e afins, abrange também inspeções e obtenção de informações de fontes internas e externas.

O trabalho do auditor é extremamente importante, já que permite analisar, certificar e, caso necessário, sugerir correções dos procedimentos da administração ao longo do tempo. Além disso, a sua prática é associada à ideia de boa governança, o que passa credibilidade.

Pensando nisso, no texto de hoje, explicaremos o que é a auditoria, qual o momento certo de realizá-la e quais os benefícios dela para a empresa. Confira!

O que é auditoria contábil?

A auditoria contábil normalmente é feita por amostragem e tem a finalidade verificar se as transações realizadas por uma empresa estão ou não de acordo com o que é previsto nas normas técnicas contábeis, na legislação tributária e afins, alcançando ainda a verificação de conformidades das normas e procedimentos internos da empresa.

Ao longo do trabalho de uma auditoria contábil são analisados os registros, livros, relatórios e demonstrações contábeis e financeiras, bem como a documentação que respalda a escrituração, com o objetivo de verificar, sobretudo, se os valores constantes nas demonstrações estão compatíveis com o efetivo valor do patrimônio da organização e com a situação financeira em que ela se encontra.

O auditor, por exemplo, através de conferência e confronto dos saldos das contas com outras informações e elementos materiais diversos, pode colher dados mais precisos sobre o seu negócio, gerando importantes informações para os proprietários e administradores, bem como identificar omissões, erros e fraudes na empresa.

Além disso, essa prática permite que você:

  • reduza o risco de cometer irregularidades;
  • minimize os prejuízos por erros internos;
  • evite receber multas e sanções por falhas no controle fiscais, financeiros e afins;
  • realize investimentos com mais segurança.

Quais os benefícios da auditoria contábil?

Analisar a sua realidade contábil, financeira e a forma de execução das tarefas dentro da organização torna muito mais fácil encontrar falhas no controle interno e buscar estratégias para adequar suas demonstrações contábeis às exigências legais e às próprias normas internacionais de contabilidade.

Isso porque a auditoria permite que você aplique a legislação com mais rigor e adeque suas práticas aos padrões internacionais, conferindo maior credibilidade e confiabilidade a todos os seus atos.

Assim, considerando os já citados benefício da auditoria contábil, destaque-se ainda que em tempos de SPED e fiscalização mais ágil e online, manter tudo em ordem evita problemas com o Fisco e com os demais órgãos fiscalizadores, já que você reduz o risco de sonegação de impostos e de erros tributários por desconhecimento, por exemplo.

Convém ressaltar também que a auditoria é importante, independentemente do tamanho do seu negócio. Afinal, na micro, pequena, média ou grande empresa é fundamental para todo gestor e empreendedor:

  • saber como está a sua gestão;
  • identificar problemas;
  • ter a possibilidade de corrigi-los.

Qual o momento certo para realizá-la?

O interessante é que a auditoria seja realizada periodicamente, em intervalos de tempo predefinidos, pelo menos uma vez por ano, para que possa favorecer a prevenção de erros e evitar que a situação se torne insustentável. Recomenda-se para fins de apoio a gestão que a auditoria seja feita em períodos semestrais. Por ser assim, é válido que ela faça parte da rotina contábil da sua empresa e acompanhe todas as práticas e ações realizadas. Isso significa que não existe uma data certa para começar, mas que quanto antes isso acontecer, melhor.  

Vale mencionar que, se você não costuma fazer auditoria contábil na sua organização, seja ela independente ou interna, pode ter que se submeter àquelas que são realizadas pelo fisco, Federal, Estadual e Municipal, em condições de fragilidade, ficando sujeito a penalidades.

Dessa forma, é conveniente conversar com a sua assessoria contábil ou procurar um profissional ou empresa especializado no assunto. A auditoria contábil é imprescindível para a saúde financeira e o crescimento sustentável do seu negócio e, especialmente para o seu sossego!

Esse texto ajudou você? Então, assine nossa Newsletter e receba novas postagens em primeira mão.


Advogado, contador, matemático, auditor e perito contábil. Professor, Especialista em Direito Empresarial, Administração Financeira e Matemática Aplicada. Mestre em Administração de Empresas. Presidente do Grupo Fortes de Serviços.

Compartilhe

Posts Relacionados

Receba novidades por e-mail